Divulgada a concorrência do concurso para a Polícia Civil e Científica de Pernambuco

concurso-polcicia-cientcifica-pe-cargo-auxiliar-de-legista-315-3214

Clique para conhecer o produto

concurso-polcicia-cientcifica-pe-cargo-perito-papiloscopista-315-3216

Clique para conhecer o produto

concurso-polcicia-cientcifica-pe-cargo-auxiliar-de-perito-315-3215

Clique para conhecer o produto

 

concurso-polcicia-civil-pe-cargo-agente-de-polcicia-escrivcao-de-polcicia-concurso polícia militar concurso-polcicia-civil-pe-cargo-delegado-de-polcicia-315-2481

Foi divulgada no último dia 3 de junho a concorrência do concurso público para a Polícia Civil e Científica de Pernambuco. De acordo com a Secretaria de Defesa Social (SDS), seleção teve aproximadamente 65 mil pessoas inscritas, sendo que 53.716 se inscreveram para a Polícia Civil e 10.476 para a Científica.

No total, estão previstas 650 vagas para a Polícia Civil, sendo 500 para o cargo de agente, 100 para delegados e 50 para escrivão. Já para a Polícia Científica estão disponíveis 316 vagas: 56 para perito criminal, 51 para papiloscopista, 40 para médico legista, 73 para auxiliar de legista e 96 para auxiliar de perito. Os salários iniciais variam de R$ 3.276,42 a R$ 9.069,81.

Confira o número de inscritos em cada categoria:

Cargo de delegado: 13.667 inscritos

Agente de polícia: 37.783 inscritos

Escrivão de polícia:  2.266 inscritos

Perito criminal: 5.508 inscritos

Médico legista: 1.181 inscritos

Perito papiloscopista: 1.403 inscritos

Auxiliar de legista: 537 inscritos

Auxiliar de perito: 1.847 inscritos

Confira a concorrência para cada cargo:

Cargo de delegado: 136,7

Agente de polícia: 75,6

Escrivão de polícia: 45,3

Perito criminal: 98,35

Médico legista: 29,5

Perito papiloscopista: 27,5

Auxiliar de legista: 7,4

Auxiliar de perito: 19,2

O concurso

A instituição responsável pela organização do concurso é o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). A primeira etapa do processo seletivo vai ser composta por prova objetiva, discursiva, prática de digitação (somente para o cargo de escrivão), prova de capacidade física, avaliação psicológica, exame médico, investigação social e avaliação de títulos para o cargo de delegado. A segunda etapa compreenderá o curso de formação realizado por meio do Campus de Ensino Recife e da Academia Integrada de Defesa Social.

As provas objetivas e a discursiva serão realizadas no Recife e Região Metropolitana, Caruaru, no Agreste de Pernambuco, e Serra Talhada e Petrolina, no Sertão. As demais fases serão realizadas apenas no Grande Recife.

Leave a Reply